14 de maio de 2014

Muito obrigado pelo meu lar!

Pois é tão maravilhoso ter um lar...
Não importa se este lar é uma mansão, um ninho, uma casa no caminho, um bangalô, seja lá o que for!
O importante é que dentro dele exista a presença da harmonia e do amor!
O amor de mãe, de pai, de irmão, de uma companheira...
De alguém que nos dê a mão, nem que seja a presença de um cão, porque é tão doloroso viver na solidão!
Mas se eu ninguém tiver, nem um teto para me agasalhar, uma cama para eu deitar, um ombro para eu chorar, ou alguém para desabafar...
Não reclamarei... Porque eu tenho a Ti!
Então muito obrigado porque eu nasci!
E pelo teu amor, muito obrigado Senhor!

Divaldo Pereira Franco


Nenhum comentário:

Postar um comentário